sexta-feira, 1 de junho de 2012

Complemento da viagem Canela-Valparaiso-Canela

                                   



                                                                                                                                O documento acima, parecido com uma cédula, é o  que se recebe na imigração chilena referente ao veículo (no caso, a moto), com a recomendação de não perder, pois tem que ser apresentado na saída.

Não posso deixar de comentar dois detalhes que aprendi durante tantos anos de aviação viajando para o exterior e que foram úteis agora. Simples, mas de suma importância quando você tem que atravessar fronteiras: uma CANETA, que fez uma diferença enorme  nas longas filas de imigração e alfândega, para o preenchimento de documentos. Se quiser fazer sucesso na fila, leve uma caneta sobressalente para emprestar. O outro foi a digitalição de todos os documentos (deixei-os arquivados numa pasta de e.mails), para o caso de extravio dos originais, mas que felizmente não se fez necessário.